Top 5 de 2019 (da Ana Teresa)


2019 foi o ano em que li mais livros do que nunca! (Juro, cheguei quase aos 70).


Foram muitas as leituras. Gostei de alguns, não gostei de outros e depois houve aqueles que marcaram um espaço no meu coração para sempre.


Eis o Top 5 de livros que li em 2019:


1 - Again, but Better, de Christine Riccio

A Christine Riccio é, provavelmente, a booktuber que eu mais idolatro. Já via os vídeos dela quando ainda nem sabia inglês!


Por isso, quando ela lançou o livro, comprei-o. Sabia que se tratava de uma Shane e a capa é bastante reveladora sobre para onde ela vai, mas não sabia mais nada.


Sim, eu raramente leio sinopses.


Fui sem quaisquer expectativas.


Acabei surpreendida!


É o género de livro que capta a atenção do autor para temas super importantes. Adorei a Shane e a maneira como ela conseguia ultrapassar os problemas. Identifiquei-me com muitas coisas. Foi um livro que valeu muito a pena e mal posso esperar para ver o que a minha booktuber favorita, e agora autora, tem na manga!



2 - Apartamento partilha-se, de Beth O'Leary

Outra autora que me cativou o coração!


Este livro é tão divertido mas aborda problemas tão importantes e reais de hoje em dia. A dose de humor está presente e as trajetórias das personagens (que comunicam através de post-its!) é bem intensa.


Quando acabei de ler o livro, não consegui deixar de pensar e refletir um pouco sobre os temas abordados.


[Podem encomendar este livro na livraria!]




3 - Maus, de Art Spiegelman

Eu não sou a fã N.º1 da II Guerra Mundial, nem sou a pessoa que mais sabe sobre o assunto. Tenho a tendência para fugir destes livros porque tenho quase a certeza que acabarei numa choradeira total.


No entanto, tive uma cliente que me recomendou este livro e eu costumo seguir recomendações (é por isso que não leio sinopses).


Fiquei cativada pela maneira como o autor descreve a vida do pai, sobrevivente do Holocausto. A verdade por detrás de cada ilustração, por detrás de cada frase é tão crua que houve alturas em que me doeu o coração (mas não, não chorei rios, estava demasiado em choque com tudo).


Se ainda não leram, e não sabem muito sobre este período histórico, mas gostariam de ficar a conhecer, aconselho vivamente este livro.




4 - Illuminae, de Amie Kaufman e Jay Kristoff

Sabem aquele livro que é tão bom, mas tão bom, mesmo bom, que não conseguem descolar as vossas mãos deles?


Bem, este foi o livro que me fez isso em 2019.


Illuminae é a obra sci-fi que eu andava à procura e nem sabia que andava à procura.

É uma história intensa e escrita de uma forma nada convencional (a sério, estou mesmo a enfatisar o nada porque é mesmo verdade... literalmente).


A minha parte favorita: passei a gostar de um conjunto de fios que fingem ser cérebro. E mais não digo. Vão ler.




5 - O livro dos ressignificados, de João Doerderlein

Que livro de poesia fofinho!


A maneira como está escrito, a facilidade de leitura e a capacidade de nos prender... está tudo lá.


Este livro cativou-me tanto, prendeu-me tanto (uma tarde inteira, porque ele é super pequenino), que ficou para sempre no meu coração.

Às vezes é difícil falarmos dos livros que mais gostamos porque temos uma parafernália de sentimentos e memórias do livro dentro de nós que a capacidade de resumo simplesmente não consegue apanhar. É o que acontece comigo quando falo deste livro.


Só vos posso dizer uma coisa: vão ler.



Espero que tenham gostado do meu Top 5 e não se esqueçam de comentar sobre os livros que marcaram o vosso 2019!


Até lá, boas leituras!

Ana Teresa Barreiros

29 visualizações

© 2020 Livraria Good Books. Ana Teresa Barreiros. 

livraria.goodbooks@gmail.com

Termos de Uso

Política de Privacidade