Viajar sem sair de casa – livros de viagens para os 7 continentes


Os acontecimentos recentes vieram trocar as voltas a todos os que gostam de viajar (como eu…). Entre as ressacas de não poder apanhar um avião ou comboio e ir conhecer um novo destino, podemos colmatar essa falha lendo alguns livros publicados no nosso país.


Para cada continente recomendarei dois livros, claro que há centenas, se não milhares que poderei recomendar, mas para não me alongar muito vou apenas recomendar um de ficção e um de não-ficção para cada um, sendo que se houver interesse poderei dar outras recomendações.


Também estou aberta a sugestões de leitura!



Ásia

After Dark – Os Passageiros da Noite - Haruki Murakami, Casa das Letras


Neste livro, o autor leva-nos a explorar Tóquio durante uma noite, na ténue fronteira entre a realidade e o mundo mágico.


Around India in 80 Trains – Manisha Rajesh, Hodder and Stoughton General


Infelizmente ainda não traduzido no nosso país, a autora viaja cerca de 40,000 km pela Índia, passando por 80 comboios diferentes, enquanto relata as suas experiências.

África

Um rio chamado tempo, uma casa chamada Terra - Mia Couto, BIS


Um estudante universitário regressa à sua terra-natal em Moçambique e recebe visitações e cartas do outro lado do mundo. São revelações de um universo dominado por uma espiritualidade que ele vai reaprendendo, onde ao mesmo tempo redescobre uma outra história para a sua própria vida e para a da sua terra.


Viagem por África, do Cairo à Cidade do Cabo Paul Theroux, Quetzal


Nesta viagem, Paul Theroux parte do Cairo rumo à Cidade do Cabo, viajando por vários países (Egito, Sudão, Etiópia, Quénia, Uganda, Tanzânia, Malawi, Moçambique, Zimbabué e África do Sul).

América do Norte

Pela Estrada Fora – Jack Kerouac, Relógio D’Água


A versão ficcional das viagens do autor com o amigo, Neal Cassidy, pelas estradas da América dos anos 50.


Desconhecida num Comboio – Jenny Diski, Tinta da China


A autora percorre os Estados Unidos de comboio, numa viagem que a leva a conhecer gente muito diferente, e a conhecer-se a si mesma

América do Sul

O Amor nos Tempos de Cólera – Gabriel Garcia Marquez, Dom Quixote


A história de um triangulo amoroso que dura 50 anos. Apesar de a cidade ser ficcional, a acção passa-se no país-natal do autor, a Colômbia.


O Velho Expresso da Patagónia, Paul Theroux, Quetzal


O autor viaja desde Massachusetts até chegar ao velho expresso da Patagónia, onde atravessa a América do Sul, passando por vários locais e dando a conhecer as pessoas que encontra.

Antárctida

Onde estás Bernardette? – Maria Semple, Editorial Teorema


Numa viagem à Antárctida, Bernardette desaparece e é dada como morta. A sua filha, determinada a encontrá-la, viaja até à Antárctida.


Terra Incognita – Sarah Wheeler, Vintage Publishing


Infelizmente também ainda não publicado no nosso país, a autora foi a primeira mulher destacada pelo governo para escrever sobre a vida das pessoas nas bases e como a paisagem as afecta.

Europa

A Única Memória de Flora Banks – Emily Barr, Topseller


Flora Bank não consegue criar novas recordações. Até que um dia algo muda, e esse acontecimento vai levá-la numa aventura inesquecível até ao norte da Europa.


Tempo de Dádivas, Uma viagem a Pé – Patrick Leigh Fermor, Tinta da China


Travessia a pé por uma Europa pré-segunda guerra mundial, uma Europa entretanto desaparecida.

Oceânia

Pássaros Feridos – Collen McCulough, Bertrand Editora


Uma história de amor que percorre três gerações na Austrália.


Canto Nómada - Bruce Chatwin, Quetzal


Uma viagem extraordinária - através dos caminhos mágicos dos antigos aborígenes da Austrália - em busca da beleza, da espiritualidade, do tempo e do sentido da vida.

Escrito por: Leonor Ferrão

O meu nome é Leonor Ferrão e nasci a 20 de Novembro de 1992 na cidade de Lisboa, e sou formada em Conservação e Restauro de Bens Culturais. Além de uma leitora assídua, sou também uma artista e estou sempre à procura de maneiras de me expressar, seja pela escrita, fotografia, ilustração, música ou até cosplay, sempre na companhia do meu gato Maine Coon, o Matthew Clawley. Durante muitos anos fui directora e co-criadora da revista Nanozine, uma fanzine independente de publicação e promoção de autores portugueses.


Tenho contos publicados em várias Antologias, onde se incluiem a Antologia Talentos Fantásticos 2009 e o Almanaque Steampunk 2019, e colaborei com alguns contos na plataforma Fantasy & Co. Também tenho ilustrações publicadas em livros como a antologia Por Mundos Divergentes e na fanzine Lusitânia. Além destes contos, tenho também 13 livros na gaveta à espera que eu ganhe coragem para os rever.


Como escrever é uma paixão, gosto muito de partilhar este gosto com outros, sendo que desde 2012 que sou Municipal Liaison da região de Lisboa no evento internacional NaNoWriMo.


Inspiro-me constantemente no mundo que me rodeia, principalmente na Natureza, na música e nas viagens que faço sozinha pelo mundo. A minha maior ambição é viver numa cabana na floresta a criar obras que façam sonhar as pessoas.

0 visualização

© 2020 Livraria Good Books. Ana Teresa Barreiros. 

livraria.goodbooks@gmail.com

  • Ícone do Facebook Preto
  • Ícone do Instagram Preto
  • YouTube - Black Circle